CASA DE CONVIVÊNCIA JOÃO PAULO II

 

FINANCIADO POR:

 Convênio firmado com o Ministério da Saúde, com repasse através da Secretaria de Estado da Saúde da Paraíba.

 

Este projeto tem como objetivo geral dar continuidade a um trabalho de assistência as pessoas vivendo com o vírus HIV/AIDS, que mesmo após 38 anos do convívio da humanidade com epidemia da AIDS, o preconceito e a discriminação são determinantes no surgimento das dificuldades, comprometendo a adesão ao tratamento e uma digna vivência social na superação consigo mesmo, como na relação com o outro.

 

Este projeto tem como objetivo suprir as demandas geradas nesse contexto, vivenciado pelas pessoas com HIV/AIDS. Os mesmos são assistidos e acolhidos por profissionais capacitados de forma humanizada através de ações de formações e informações para a superação do estigma e do preconceito; criação de espaços que possibilitam ao público-alvo expor seus problemas e encaminhá-los; assessoria para os devidos trâmites burocráticos que assim se legitimem a efetivação de garantir seus direitos já conquistados; e incentivo a organização social para que possam usufruir de uma crescente expectativa de vida, com maior qualidade e dignidade.

 

Disponibilizamos para os usuários uma estrutura que fortalece a autoestima dando dignidade aos mesmos, em virtude da exclusão do convívio familiar, através do atendimento psicológico para o usuário e familiares, das terapias integrativas complementares como: análise bioenergética, aroma terapia, facioterapia, Reik, argila terapia, terapia flora, massagem relaxante, fortalecendo assim todo o campo emocional e corporal.

 

Realizamos assistência as pessoas vivendo com HIV/AIDS e Hepatites Virais do interior da Paraíba que fazem seus tratamentos em João Pessoa e que necessitam de acomodações de curta duração para realizarem procedimentos clínicos, consultas médicas, laboratoriais e dispensação dos antirretrovirais nos dois hospitais de referência HIV/AIDS de João Pessoa, Hospital Clementino Fraga e o Hospital Universitário Lauro Wanderley.

 

Os 250 portadores usufruem desta casa como apoio e os que vêm das cidades do interior do Estado tem direito a hospedagem durante a realização dos procedimentos clínicos desde que sejam devidamente encaminhados pelas unidades hospitalares referidas, munidos de documentos e formulários padronizados, datados e com entrada e saída da permanência do usuário em tratamento. A casa dispõe de 24 acomodações para adultos, gestantes/pré-natal, bebês, crianças, adolescentes,  jovens e para acompanhantes mediante quadro clínico do usuário.

VIDA EM MOVIMENTO

FINANCIADO POR:

 FUNDO NACIONAL DE SOLIDARIEDADE (FNS/CNBB)

 

 

 

         

 

  O Projeto Vida em Movimento, abordando o tema da Campanha da Fraternidade 2019: Fraternidade e Políticas Públicas, nos faz contemplar “A liberdade que nos vem pelo direito e pela justiça”. As políticas públicas como mecanismos de manter um olhar atento àqueles que precisam ter seus direitos protegidos se tornam indispensáveis para a dignidade da vida das pessoas vivendo com o vírus HIV/AIDS. Através de círculos de convivência, palestras e incentivos a reflexões e ações geradoras de melhoria social, trazemos à luz das políticas que já existem os esforços já conquistados, na linha de como manter, como aprimorar e o que ainda é preciso buscar na luta pela dignidade da vida das pessoas soropositivas.

          

Público alvo do projeto: Pessoas vivendo e convivendo com HIV/AIDS: Moradores da periferia da região

metropolitana de João Pessoa e das cidades interioranas do Estado da Paraíba. Entre estas pessoas estão: gestantes (na luta do pré-natal para livrar o seu filho da infecção vertical), Gays, HSH, Travestis, trans, dona de casa, ex-presidiários, profissionais do sexo, dependentes químicos, mulheres vítimas de violência, moradores de rua.

 

Objetivos do projeto:

       Promover espaços nos grupos, para as discussões a respeito do direito e da justiça;

  • Desenvolver as terapias naturais complementares como fortalecimento da qualidade de vida, para que estas sejam propulsoras da busca por uma vida plena, no que compõe a ótica biopsicossocial;

  • Disseminar o conhecimento sobre os óleos vegetais e essenciais e seus efeitos curativos;

  • Produzir pomadas, tinturas, cremes, sabonetes e compostos de óleos medicinais para a prevenção e o combate as doenças mais comuns;

  • Promover oficinas junto as comunidades carentes, divulgando o livro “EU & A NATUREZA”.

1/5

PROGRAMA DE AÇÃO RENOVADORA COM PESSOAS VIVENDO COM HIV/AIDS

FINANCIADO POR:

SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE (SES/PB)

 FUNDO DE ERRADICAÇÃO E COMBATE A POBREZA (FUNCEP/PB)

 

DESCRIÇÃO: Este projeto visa atender aos usuários da casa oferecendo uma cesta básica de alimentos e medicamentos para tratar das doenças oportunistas. É sabido que as pessoas infectadas são alvo de doenças causadas pela queda da imunidade. Como o público alvo do nosso projeto é composto de pessoas de vulnerabilidade social, para ajudar no combate a estas doenças e evitar o abandono do tratamento, proporcionamos alimentos e medicamentos para amenizar os efeitos dos retrovirais.

OBJETIVO: Oferecer mensalmente aos portadores do vírus HIV/AIDS, atendidos nesta casa, alimentação e medicamentos para tratamento de doenças oportunistas.

 

 

PÚBLICO ALVO: Profissionais do sexo e todos os usuários da casa de convivência João Paulo II

1/5

PROJETO ASSISTENCIAL VIDA POSITIVA SAÚDE É MOVIMENTO

FINANCIADO POR:

SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE (SES/PB) Edital: n° 001/2018

OBETIVO: 

Promoção a expansão do tratamento, preservando a saúde dos portadores de HIV/AIDS de forma humanizada contribuindo para superação do abandono ao tratamento e a superação do estigma e preconceito que  por sua vez impõe ainda uma verdadeira “via crucies” social provocada pela negação dos seus direitos fundamentais, proporcionando aos assistidos pelo projeto uma estrutura que fortaleça  a autoestima dando dignidade aos mesmos, em virtude da exclusão do convívio familiar e social impostos pela sociedade, evitando o abandono e a vulnerabilidade social que a maioria dos participantes vivencia no dia-a-dia. 


 OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
a)Proporcionar através de vivências de grupos o conhecimento e a prática da Análise Bioenergética, que é uma abordagem da psicologia corporal, sistematizada por Alexander Lowen e John Pierrakos a partir dos trabalhos desenvolvidos por Reich, desde a década de 30. E tem como princípios fundamentais: respiração,grounding (enraizamento), movimento livre e espontâneo, carga e descarga de energia, e uma saúde vibrante. Compreende a qualidade das relações, os processos de pensamento e sexualidade, bem como a personalidade. Tem como ponto inicial, o trabalho corporal, para promover a integração entre corpo, mente e espírito (LOWEN, 1982). 

b)Proporcionar uma aventura a autodescoberta e a aproximação com o corpo para a abertura ao amor, à vida e à felicidade. Os recursos e exercícios corporais propostos favorecem a recuperação da vitalidade do organismo e podem ser utilizados dentro e fora do processo psicoterapêutico, como em grupos de movimento ou grupos apenas de exercícios pautados nos princípios da abordagem. Estes podem ser utilizados como recursos favoráveis para o acolhimento e apoio satisfatório na manutenção da boa qualidade de vida e na superação de processos traumáticos, como uma situação de v ulnerabilidade e violência, desenvolvendo estratégias internas de superação. 

c)Realizações de oficinas para se apropriar de conhecimentos dos dons da natureza na linha dos fitoterápicos, realizando a fabricação de sabonete, sabão ecológico, tinturas e compostos de óleos e oficinas de valorização social com atividades terapêuticas com produções de peças artesanais e assim mobilizando os participantes a formação de grupo de geração de renda. 


d)Acompanhamentos socioeconômico, através da assistência social, na busca por estratégias e caminhos para a solução de problemas sociais, e que se sintam assistidos e respaldados com orientações e informações que lhes proporcionem uma sensação de bem-estar p ara contribuir positivamente nos seus quadros clínicos, pois já se sabe que estado emocional e psicológico influenciam diretamente na imunidade fisiológica.

Praça Dom Adauto, S/N - Centro, 58010-670 - João Pessoa-PB

Contato: (83) 3133-1000

WhatsApp Image 2019-08-28 at 19.13